Geral

Filmes brasileiros que já concorreram ao Oscar e quase ganharam

Os filmes brasileiros estão cada vez mais ganhando destaque nas telas dos cinemas. As produções cinematográficas nacionais estão recebendo também o coração do público estrangeiro. Confira alguns filmes que quase ganharam o Oscar.

O cinema brasileiro conseguiu em muitas das produções o reconhecimento internacional. Logo, os filmes nacionais receberam diversas indicações de melhor roteiro adaptado, de melhor filme internacional e até mesmo de melhor diretor.

Você irá conferir muitos dos filmes que foram citados na premiação, assim como alguns detalhes sobre os bastidores.

O Pagador de Promessas

O Brasil percorreu um longo caminho para chegar ao reconhecimento internacional que obtém atualmente. Essa trajetória se iniciou em 1945 com a canção Rio de Janeiro de Ary Barbosa, que recebeu indicação ao Oscar.

Após Barbosa não conseguir usufruir do prêmio,  levou quinze anos para o Brasil voltar a ser indicado ao Oscar.

O primeiro filme que representou o Brasil na premiação, foi “O Pagador de Promessas” de Anselmo Duarte, em 1963. Infelizmente, não foi o ganhador do Oscar, mas obteve o prêmio da Palma de Ouro do Festival de Cannes.

Outra vitória para a produção nacional foi sair de uma estrutura secundária reservada apenas a filmes internacionais e passou a ser a categoria principal do Oscar. Assim como ocorreu com “Parasita” de Bong Joon Ha.

Cidade de Deus

Um dos filmes que ganhou grande destaque nos cinemas brasileiros  foi a obra “Cidade de Deus” (2002) de Fernando Meirelles, uma produção que impressionou a todos os públicos. Em 2004 concorreu ao Oscar, após fazer sucesso nos Estados Unidos.

Logo, o filme concorreu a todas as categorias, mas infortunadamente perdeu para o filme “Senhor dos Anéis, O retorno do Rei”. Mesmo sem o premio, Meirelles deixou o prestigio da sua obra consolidado nos palcos do Oscar.

Centro do Brasil

Outro filme prestigiado para duas indicações ao Oscar, foi “Centro do Brasil”. O filme foi dirigido por Walter Salles e escrito por João Emanuel Carneiro e Marcos Bernstein. A produção Rendeu a indicação a Melhor Filme Estrangeiro e Melhor Atriz, para Fernanda Montenegro.

Infelizmente,  a profução não ganhou a premiação, mas assim como “Cidade de Deus”, essa obra é um legado para a cultura brasileira.

Democracia em Vertigem

Também passando pelo palco do Oscar, tivemos o documentário “Democracia em Vertigem” de 2019, dirigido por Petra Costa. A obra foi indicada ao prêmio de Melhor Documentário.

Como os demais títulos mencionados, o filme, que retrata de uma forma repleta de detalhes a situação política do país, acabou retornando para o Brasil sem a premiação.

Fonte: E-Pipoca

Leave a Reply

Your email address will not be published.